Home » Mestrados » Mestrado em Administração: tire todas as suas dúvidas sobre este assunto!

Mestrado em Administração: tire todas as suas dúvidas sobre este assunto!

O setor da administração e dos negócios é um dos que mais empregam no país e que possuem os salários mais altos. Justamente por isso, também é uma das áreas que apresenta maior competição – e para conseguir se diferenciar, um mestrado em administração pode ser uma ótima alternativa.

De acordo com um estudo feito pelo jornal Gazeta do Povo, os mestres em administração podem ter um acréscimo de até 4% do salário, sendo que a média salarial para quem tem mestrado no país é de R$ 9719.

Se você está pensando em se diferenciar e conseguir oportunidades de trabalho mais interessantes, continue a leitura e saiba como o mestrado em administração pode lhe ajudar.

Como é o setor de administração e negócios?

Mestrado em Administração

O administrador tem sido cada vez mais requisitado em diversas companhias e empresas e por isso esta é uma área extremamente concorrida, tanto no setor privado, como no público.

Algumas áreas que estão em alta são:

  • auditoria: o profissional da administração irá conferir se as atividades desenvolvidas pela empresa estão dentro das regras e dos objetivos traçados pela instituição, buscando tornar o negócio ainda mais eficaz. Quando este trabalho é bem realizado, ele consegue otimizar a vida financeira das empresas e ainda deixá-las de acordo com a legislação vigente;
  • consultoria: o empreendedorismo está em alta, mas nem todo mundo sabe exatamente como gerir seus próprios negócios. Neste contexto, o papel do consultor se torna extremamente importante, auxiliando no desenvolvimento de projetos, no uso dos recursos e até na maximização dos lucros e resultados;
  • finanças: em época de crise e recessão como a que estamos vivendo, controlar as finanças é ainda mais importante e o administrador fiscal tem ganhado relevância, ajudando a analisar todos os aspectos ligados a vida financeira das empresas;
  • marketing: embora este seja um ramo da comunicação, muitos administradores têm se interessado pelo setor, ajudando as empresas a se destacarem dentro dos seus nichos e ainda a desenvolverem produtos e serviços que estejam mais de acordo com as necessidades dos seus clientes.

Além dessas áreas, existem outras que têm sempre estado em alta, como recursos humanos, comércio exterior, logística e planejamento estratégico. Dentro de todos estes setores, o mestre em administração pode conseguir se destacar, mostrando que possui um grau de análise e estruturação de pensamento diferenciado.

Mestrado acadêmico, mestrado profissional ou MBA: em qual investir?

As possibilidades de pós-graduação são inúmeras na área da administração e podem acabar confundindo quem pensa em continuar investindo nos estudos. O principal é buscar saber o que você deseja com o título.

Para quem quer se tornar pesquisador, emendando um doutorado, por exemplo, não existe escolha: o mestrado acadêmico é o mais indicado, porque vai lhe preparar para essa vivência na academia e ainda permitir que você continue desenvolvendo a sua tese no doutorado.

Agora, se a sua intenção é conseguir se destacar no mercado de trabalho existem duas possibilidades. O MBA é mais voltado para aqueles profissionais que já têm experiência de mercado e apenas desejam aprender novas técnicas de administração e fazer networking.

Já o mestrado profissional vai lhe dar uma visão completamente diferente, unindo teoria e prática, misturando a vivência do mundo acadêmico, com o empresarial e favorecendo que você desenvolva outros tipos de conhecimentos que podem agregar bastante no seu dia a dia em um ambiente corporativo.

Hoje em dia as empresas precisam bastante de profissionais mais questionadores e que consigam enxergar um problema sobre outros viés e formas de pensar – capacidades que com certeza serão desenvolvidas em um mestrado profissional, ajudando você a compreender melhor as ferramentas que podem favorecer o sucesso das companhias.

De qualquer forma, entre todas as possibilidades de pós-graduação, o mestrado e o doutorado são os mais requisitados pelas empresas. Primeiro porque os MBAs e outros tipos de pós se banalizaram bastante (com cursos bem conhecidos como “pagou, passou”) e depois porque o estudante que se forma mestre ou doutor tem um posicionamento diferente.

Os mestres e doutores costumam ser profissionais mais exigentes, com conhecimento mais denso e profundo, além, é claro, de eles serem mais escassos – e, portanto mais valorizados do que o profissional apenas pós-graduado.

Como funciona o mestrado profissional em administração?

Desde 2009, os mestrados profissionais foram autorizados pelo Capes e muitos programas começaram a aparecer. Você poderá encontrar vários bem interessantes que podem ser mais focados na área da gestão, no empreendedorismo e no setor de estratégia.

Em geral, os programas têm dois anos de duração (podendo ser prolongado por mais alguns meses) e alguns contam com possibilidades de estudos em outros países ou de cursos adicionais em outras faculdades, favorecendo o intercâmbio de informações e vivências – contribuindo ainda mais para a riqueza deste tipo de estudo.

Depois de formado, você também poderá pensar em investir em uma carreira acadêmica, por exemplo, dando aula em universidades, já que a maioria não faz distinção entre o mestrado profissional ou acadêmico para este sentido.

Porém, da mesma maneira que o mestrado acadêmico, o mestrado profissional também costuma exigir bastante do aluno. Por isso, é importante que você se prepare para as provas de admissão (que não são fáceis e muitos programas podem exigir um pré-projeto) e também para o curso em si.

Ao final do curso de mestrado profissional, você também terá que defender a sua tese de mestrado para uma banca e somente caso seja aprovado receberá o título de mestre.

A diferença é que, muitas pessoas que fazem o mestrado profissional, conseguem conciliar estudos e trabalho – algo que é mais difícil nos mestrados acadêmicos, ainda mais se você contar com uma bolsa de pesquisa, já que a regra é ter dedicação exclusiva a sua tese.

Quais os melhores programas de mestrado em administração?Mestrado em Administração

Depois de ler este conteúdo, você já está mais confiante em investir em um mestrado de administração? Pois saiba que para que o curso atinja os objetivos propostos é muito importante a escolha correta do programa.

Além de uma nota boa no Capes (geralmente os programas com notas 4 ou mais são considerados excelentes), é fundamental que a universidade seja reconhecida no mercado e que a área que você optou tenha relação com a linha de pesquisa do mestrado.

Por exemplo, se você tem mais afinidade com a área de empreendedorismo, não adianta optar por um programa de mestrado em finanças, pois é claro que o seu projeto não será aprovado.

Assim, tente antes entender as linhas de pesquisa do programa, conhecer o trabalho dos orientadores (lendo algumas das suas publicações) e também saber como é o reconhecimento da universidade pelo mercado de trabalho. Isso porque investir em um mestrado pode não ser algo barato e é preciso ter uma certeza maior de que este investimento trará retornos positivos para a sua carreira.